1 ano casados!

Há meses pensávamos em como comemorar esse dia 12 mais especial do ano, mesmo com verba e tempo curtos. Nada! Ontem acordamos e nos olhamos sem saber o que fazer. Até que deu alouca nos dois, e sem olhar previsão do tempo nem lugar para ficar, nos jogamos na estrada para Torres-RS, cerca de uma hora de casa.

Sem programação, sem rumo certo, uma das melhores viagens que já fizemos! Teve sol e calor, chuva e frio, hotel simples mas com tudo o que precisávamos, comidas deliciosas e muuuuito amor. Foi uma comemoração super inesperada e muito especial!

Chegamos há pouco em casa, mais a noite temos culto em inglês e uma oportunidade perfeita para agradecer a Deus por tanto amor de Pai por nós!

O álbum, sua caixa e o DVD do casamento estão expostos na sala. Fazem parte da (ausência de) decoração do nosso lar. Já relembramos cada foto e palavra over and over again, cada vez que uma visita aparece.

Meu vestido de noiva está delicadamente guardado em uma caixa branca – presente de alguém especial que fez parte de cada centímetro de renda.

Em uma caixa, o convite, menu, plaquinha de reservado, cartão de agradecimento, corsaje de pérolas, fotos usadas na decoração.  A pequena grande caixa de recordações.

No armário, as luzinhas de coração.
Exposto, o letreiro LOVE vermelho ao lado do álbum de recados dos convidados.
Os trilhos e jogos americanos, florais, listrados e lisos (de todos os dias).
A bomboniere de cristal da cerimônia, sempre sobre a mesa.

Faz um ano que cada um destes objetos tornaram-se pedaços de amor e hoje estão espalhados por nossa casa. Não passa um dia sequer sem que eu veja a capa do álbum e perceba como tenho mil motivos mais para estar feliz. Olho para os cantos do apê e vejo resquícios daquele dia 12!

Acordo todos os dias, olho para o lado (limpo a baba antes, quem não?!) e vejo a melhor parte de mim, que é só amor, bem pertinho, quando não sou acordada antes com mil beijos ou brincadeirinhas. E mesmo quando tenho vontade de dar um bom dia mau humorado por ter me acordado, vejo a carinha de sono dele…e lembro que não há outra hora no dia em que o ache mais lindo.

Quando tudo dá errado e eu choro (pouco, claro), e queria a facilidade e a manha de morar na casa da mamãe com tudo pronto e feito, sem responsabilidades, algumas inevitáveis decepções, outros prováveis lapsos de imaturidade, eu choro mais um pouco. Bem mais um pouco.

Acho que se metade de mim é amor, a outra metade são lágrimas.

Até que o desespero desnecessário passa e eu acordo do próprio sonho ruim com olhos abertos. Todos temos dias difíceis!

Que fiz para merecer tamanho favor a ponto de Deus ter feito um homem perfeita e detalhadamente para mim? É muita Graça! Nem quando tenho vontade de fazer muitas e muitas cócegas (ele sofre com cócegas), ele é menos perfeito em ser quem é. Dá pra entender? Nos melhores (e incontáveis) momentos ele é o que eu preciso e me completa, e nos (pouquíssimos) e piores momentos, também. É a metade, o complemento, o adicional, a tampa, o tudo. Ele é tudo em todo o tempo o que preciso, mesmo quando não quero, quando não admito. Jesus, que amor é esse? Um amor tão divino por Seus filhos em fazer algo tão sobrenaturalmente perfeito, para humanos tão imperfeitos como todos nós.

Estamos o mais longe possível do conceito de relacionamento perfeito humano. Desejamos caminhar cada dia mais longe disso…e cada vez mais perto do plano perfeito de Deus para nós, coisa que só Ele mesmo pode fazer.

Um ano de casados, e eu poderia escrever por horas e horas, romantizar mais ainda (tem como?) mas é tanto amor que não caberiam em palavras. É amor para ser vivido, transmitido e transbordado.

Amor de Deus, que só Ele pode derramar sobre nós!

Happy anniversary to us!

danymichel Taiane e Murilo CAS 0179 danymichel Taiane e Murilo CAS 0318 danymichel Taiane e Murilo CAS 0400 danymichel Taiane e Murilo CAS 0478 danymichel Taiane e Murilo CAS 0582 danymichel Taiane e Murilo CAS 0735 danymichel Taiane e Murilo CAS 0921 danymichel Taiane e Murilo CAS 0998 danymichel Taiane e Murilo CAS 1074 danymichel Taiane e Murilo CAS 1093 danymichel Taiane e Murilo CAS 1108 danymichel Taiane e Murilo CAS 1198 danymichel Taiane e Murilo CAS 1234 danymichel Taiane e Murilo CAS 1241 danymichel Taiane e Murilo CAS 1249 danymichel Taiane e Murilo CAS 1287 danymichel Taiane e Murilo CAS 1291 danymichel Taiane e Murilo CAS 1307 danymichel Taiane e Murilo CAS 1320 danymichel Taiane e Murilo CAS 1324 danymichel Taiane e Murilo CAS 1345 danymichel Taiane e Murilo CAS 1351 danymichel Taiane e Murilo CAS 1361 danymichel Taiane e Murilo CAS 1371 danymichel Taiane e Murilo CAS 1412 danymichel Taiane e Murilo CAS 1423 danymichel Taiane e Murilo CAS 1428 danymichel Taiane e Murilo CAS 1560 danymichel Taiane e Murilo CAS 1562 danymichel Taiane e Murilo CAS 1568 danymichel Taiane e Murilo CAS 1569 danymichel Taiane e Murilo CAS 1570 danymichel Taiane e Murilo CAS 1579 danymichel Taiane e Murilo CAS 1582 danymichel Taiane e Murilo CAS 1723 danymichel Taiane e Murilo CAS 1725

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s