Oi!

Não vou nem fingir que nada é nada e escrever como se o último post estivesse fresquinho. Vim mesmo é tirar a poeira!
E nada de varrer para debaixo do tapete.

A verdade é que nem sei por onde começar.

Bom, se você acha que ser estagiário é uma super vantagem principalmente por trabalhar apenas 6h por dia, o engano é sim, redondo. Posso contar nos dedos de uma mão quantos dias fiquei coçando em casa, a ver navios. Foram muito poucos.

Os primeiros seis meses passaram (esse passaram significa Março), muita experiência adicionada na bagagem. Para rodar o mundo, faltou apenas trabalhar com América Central e América do Norte. Comecei na América do Sul, passei por África e Extremo Oriente, depois Oriente Médio e uma raspadinha na Europa. Logo, de volta na América do Sul.

É óbvio que esses passeios todos foram eletrônicos e telefônicos. Já viu estagiário rodar o mundo visitando clientes?

Não sei como mas na minha linha cronológica mental, de março venho parar em junho. Nesse meio tempo foi muita preocupação com o tcc e poucos dias gastos para realmente fazer algo. As 50 páginas foram desenvolvidas em 4, no máximo 5 dias. Pode ser um problema ou uma vantagem, mas 1h, 2h, não bastavam, não conseguia fazer nada! Precisei de manhãs inteiras, tardes inteiras, dias inteiros para que algo saísse do teclado, e no fim gastei muito tempo a menos que o imaginado e esperado.

A entrega do projeto impresso foi um dia antes do meu aniversário.

E já que esse 2.2 apareceu por aqui, vale a pena relembrar, foi uma semana memorável. Não um dia, uma semana! Começou no sábado anterior ao dia 12 de junho, onde fui muito bem enganada pelas meninas da dança e ganhei uma festinha surpresa na minha própria casa. Detalhes a parte, nunca tive uma festa tão surpresa! Amei principalmente o amor delas em arquitetar tudinho sem que eu desconfiasse 1%.

Pulando o domingo, segunda e terça pré entregas de TCC, passo direto para quinta. Bolinho no trabalho, jogo do Brasil, jantar romântico e noite muito bem aproveitada ao lado do maior amor do mundo. A comemoração foi estendida até o domingo, em Gramado. Preciso sim dizer, que foram dias maravilhosos. Descanso, aproveitar o melhor da companhia do homem que escolhi para estar sempre ao seu lado, nos dias lindos e nos terríveis também. Nesse caso foram só dias lindos, chuvosos, frios e de muita comida.

E no meio dessas comemorações todas, foram muitos presentes. Eu amo presentes!

Continuando, a memória mais recente passa para semana passada: dia de defesa do projeto de tcc para a banca.
Para a glória de Deus, foi muito melhor que imaginei! Muitos elogios e um 10 bem redondo! Espero conseguir manter a qualidade para o próximo e último semestre, na defesa final do trabalho. Foi uma etapa concluída com muita alegria e esforço, e com o apoio importantíssimo das pessoas que mais amo, meu amor, família e amigos E claro, todos os créditos vão para o criador dos céus e da terra, meu Senhor Deus!

Assim, não sei como mas, pensei que os dias iam passar mais devagar, teria menos coisas a fazer. Só que não!

Ontem participei do primeiro fechamento na empresa, até o fim. Saí de lá depois da meia noite, com três refeições muito bem distribuídas, algumas idas ao banheiro e muito trabalho. Fora o cansaço mental, foi um ótimo dia de trabalho em equipe e de colocar mais bagagem na mala. Hoje não sei como, mas consegui almoçar só as 15h e trabalhei algumas horas a mais também. Parece que ao invés de diminuir o trabalho aumenta, e tenho a leve impressão que isso é algo bom.

Hoje, estou aqui.
O primeiro dia após dezenas de outros o qual consegui sentar, parar e escrever. Que saudades! Ouvir os próprios pensamentos e lembrar quem sou. Essa sou eu! Bem assim.

Em férias da faculdade, momentos de transição no trabalho, preparando apresentação do projeto do estágio, pensando no próximo semestre do TCC, buscando algumas horas para não fazer nada, morrendo de saudades da família.

Deus tem me ensinado tanto! E essa correria da vida não se compara aos momentos que consigo calar o mundo ao meu redor e ouvir Sua voz.

Espero voltar em breve, infelizmente não tenho a penseira do Dumbledore, preciso registrar meus pensamentos…

amor.jpg (496×640)

Ashi Ross

think big

Anúncios

2 comentários sobre “Oi!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s